quinta-feira, 4 de março de 2010

Partir



Quantas vezes pensei partir.
Mas fui ficando...
Meu partir, faria sofrer
aqueles que estou amando.
E partir porquÊ,
se tudo tenho?!
Talvez por ser fraca...
Ou serei demente?
Não!
Não partirei por querer.
Apenas e só,
quando Deus quiser.

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  2. Olá Violeta! Não é que ando pelo blogger em passeio e encontro este espaço bem escondidinho. Beijo poético.

    ResponderEliminar
  3. Olá Manu, gostei do comentário, mas enganaste-te no nome, não sou flor....
    Sou Antonieta (nick - Avozita)
    Beijo

    ResponderEliminar
  4. Olá...!

    Sabes...? O meu blog conta já com um ano...! E para a ocasião escrevi algo que também é para ti... e, de passagem, podes ver que há um selo que podes levar, se assim o quiseres... Pois, como o seu nome indica, serve para "selar" este vínculo que nos uniu neste tempo transcorrido..., isso me encantaria..., e faria completo este festejo e a minha alegria...!
    Ou se não..., ofereço-te uma flor de Ceibo que é a flor do meu país: Argentina.

    Obrigado pela tua presença...!

    Cumprimentos,

    SERGIO.

    ResponderEliminar